Cruz Vermelha condena fortemente ataque ao escritório de Jalalabad, Afeganistão
Sexta, 31 Maio 2013 15:11

Na tarde de 29 de Maio, o escritório do Comité Internacional da Cruz Vermelha (CICV) em Jalalabad, Afeganistão, foi alvo de ataque por homens armados não identificados. Um funcionário, um guarda afegão, foi morto e outro, um expatriado, foi levemente ferido. Todos os outros funcionários estão a salvo e bem.

“Condenamos veementemente este ataque,” disse Jacques de Maio, chefe de operações do CICV para o Sul da Ásia. “Agora os nossos pensamentos estão com a famîlia do nosso colega morto.”

Em Jalalabad, o CICV tem 36 funcionários, incluindo 6 expatriados. O Afeganistão é o local de uma das maiores operações do CICV no mundo, com cerca de 1.800 pessoas a trabalhar em 17 locais por todo o país.