Campanha "Cuidados de Saúde em Perigo" nos Jogos Olímpicos 2012
Sexta, 10 Agosto 2012 15:38

No coração da exibição Perspectivas, patente até 11 de Setembro nos Jogos Olímpicos 2012 a decorrer em Londres, um hexágono vermelho com imagens baseadas na realidade apresenta histórias comovedoras daqueles que foram privados de aceder a cuidados de saúde seguros em situações de violência armada.
Fotografadas por Tom Stoddart em 2011, estas imagens fazem parte da campanha desenvolvida e promovida pelo Comité Internacional da Cruz Vermelha "Cuidados de Saúde em Perigo".
Esta campanha que decorrerá até 2015, estigmatiza a violência que fere e mata trabalhadores de saúde e doentes, e danifica e destrói infraestruturas e veículos de saúde.
Para saber mais sobre esta campanha, clique aqui.

Imagens desta campanha

mother-baby

O meu bébe não morreu porque a parteira foi morta numa explosão

O meu bébé não morreu porque em estive em trabalho de parto muito tempo

O meu bébé morreu porque homens armados levaram a ambulância que nos vinha buscar

checkpoint

Eu não morri porque uma bala atravessou o meu abdómen

Eu não morri pela lenta perda incessante de sangue

Eu morri porque as pessoas que me poderiam ter salvo encontravam-se desnecessariamente bloqueados num checkpoint

emergency-room

Eu não morri porque pisei uma mina terrestre

Eu não morri porque o que sobrou da minha perna infectou

Eu morri porque uma bomba apontada negligentemente destruiu o hospital mais próximo

cholera-tent

Eu não morri porque a guerra forçou-me a encontrar refúgio num campo

Eu não morri porque a água não própria que tive que beber deu-me cólera

Eu morri porque os guerrilheiros roubaram os medicamentos e mataram os dois trabalhadores de saúde