Integração no Movimento Internacional

A Cruz Vermelha Portuguesa integra o Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho e participa activamente nalguns dos seus grupos estratégicos, nomeadamente:

Fórum das Sociedades Nacionais da Cruz Vermelha de Língua Portuguesa

Formalmente  constituído em 2003 em Moçambique, o Fórum das Sociedades Nacionais da Cruz Vermelha de Língua Portuguesa constitui-se como um espaço privilegiado de cooperação entre os seus membros em diversos domínios, nomeadamente na preparação para a intervenção nas catástrofes, saúde, formação profissional, emigração/imigração. Membros: Cruzes Vermelhas de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Macau, Moçambique, Portugal, S. Tomé e Príncipe e Timor Leste.

Red Cross/European Union Office

O Red Cross/European Union Office representa e promove os interesses das Sociedades Nacionais da Cruz Vermelha da União Europeia e da Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho junto dos organismos da União Europeia.

Grupo Mediterrânico

O Grupo Mediterrânico é constituído pelas Sociedades Nacionais dos países mediterrânicos e por Portugal. O objectivo deste grupo é desenvolver o intercâmbio de cooperação nas margens norte e sul do Mediterrâneo. Apesar de não ser mediterrânica, a Cruz Vermelha Portuguesa foi convidada a participar e a partilhar as experiências e os problemas com que se debatem estes países, como por exemplo, no que respeita a imigração, migração, entre outros, sendo membro de pleno direito desde 2005.

Cooperação com outras Sociedades Nacionais

A Cruz Vermelha Portuguesa tem também vindo a estabelecer acordos de cooperação institucional e técnica com as Sociedades Nacionais da União Europeia, nomeadamente com a Cruz Vermelha Espanhola e a Cruz Vermelha Francesa.

Grupos técnicos regionais

A Cruz Vermelha Portuguesa participa em diversos grupos técnicos regionais sobre áreas específicas, nomeadamente:

Site do Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho


Para mais informações, contacte directamente o Departamento Internacional na Sede Nacional da Cruz Vermelha Portuguesa.